Cápsulas de gengibre podem ser eficazes contra náuseas induzidas por quimioterapia

Do site Minha Vida

 

Apesar da ampla utilização de antieméticos - medicamentos que aliviam sintomas como o enjoo - náuseas continuam sendo um sintoma presente na vida de 70% dos pacientes submetidos à quimioterapia. Entretanto, um estudo apresentado no encontro anual da American Society of Clinical Oncology (ASCO) fez uma descoberta que pode mudar essa realidade. De acordo com a pesquisa, cápsulas de gengibre se mostraram eficazes - ou pelo menos mais eficazes do que placebos - no combate a náuseas.

 

A análise, conduzida por uma equipe da University of Rochester Medical Center (EUA), contou com a participação de 744 pessoas com câncer. Elas foram divididas em quatro grupos. Um recebeu placebo para combater náuseas; o segundo, 0,5 gramas de gengibre; o terceiro, um grama de gengibre e o último, 1,5 gramas

de gengibre. Todos tomaram três cápsulas de gengibre (250 miligramas) ou placebo duas vezes por dia durante seis dias.

 

O início do teste aconteceu três dias antes da primeira sessão de quimioterapia. Após esse período, os pacientes relataram a severidade das náuseas em uma escala que ia de um a sete pontos, sendo o número um "sem qualquer enjoo" e o número sete "extremamente enjoado".

 

Na análise final, foram selecionados 576 pacientes, sendo 91% deles mulheres com idade média de 53 anos. Os resultados mostraram que todas as doses de gengibre reduziram significativamente as náuseas agudas em comparação ao placebo. A maior redução ocorreu com quantias de 0,5 a 1 grama de gengibre. Entretanto, a suplementação deve ser feita apenas sob prescrição médica.

 

Dicas de nutrição para pacientes em tratamento do câncer Seja por meio de quimioterapia, radioterapia ou hormonioterapia, o tratamento do câncer pode provocar efeitos colaterais que interferem até na alimentação do paciente. "O tumor e o tratamento fazem o metabolismo da pessoa gastar mais energia e, ao mesmo tempo, perder o apetite, o que pode provocar desnutrição", contra o nutricionista Nivaldo Pinho, chefe do Serviço de Nutrição do Hospital do Câncer I do Instituto Nacional de Câncer (INCA). Anote o que especialistas em nutrição oncológica recomendam para garantir todos os nutrientes necessários e ter um corpo mais preparado para vencer essa doença.

 

Realce o paladar: uma das primeiras mudanças que o paciente em tratamento do câncer nota é a modificação do paladar. Para aguçar o sentido, procure enxaguar a boca com água ou chá de camomila antes das refeições. "Se não existirem feridas na boca, balas azedas ou ácidas e alimentos ácidos também realçam o paladar, assim como manjericão, orégano, hortelã e outros temperos naturais", aconselha o nutricionista Vitor Rosa, do Instituto de Câncer do Estado de São Paulo (Icesp). Já para aliviar o gosto metálico, substitua os talheres de metal por aqueles de plástico.

 

Procure um nutricionista: o acompanhamento do tratamento por um nutricionista pode até mesmo evitar complicações no processo. "Como é alto o risco de desnutrição do paciente com câncer, um nutricionista pode ser de extrema importância, já que o indivíduo desnutrido tem mais chances de enfrentar dificuldades durante o tratamento", defende Nivaldo Pinho. Esse profissional também ajudará a amenizar o ganho de peso que costuma ocorrer na hormonioterapia - tratamento que leva ao aumento do apetite, ao contrário dos outros.

 

Considere a suplementação: como a doença eleva o consumo de energia pelo corpo, a alimentação precisa ser mais reforçada e o uso de suplementos (desde que recomendados por um médico ou nutricionista) pode fazer a diferença. "Costumamos indicar suplementação quando há desnutrição ou algum risco nutricional", diz o nutricionista Nivaldo Pinho.

 

Fracione bem as refeições: a recomendação de comer pouco várias vezes ao dia é muito importante para pacientes com câncer. "Fracionar as refeições e comer devagar, mastigando bem os alimentos, ajuda tanto a diminuir as náuseas quanto melhorar o apetite", garante Vitor Rosa. O nutricionista também aconselha que alimentos muito quentes sejam evitados, já que eles aumentam a sensação de náusea.

 

Peça para que alguém cozinhe para você: muitos pacientes em tratamento - em especial aqueles que sofrem com tumores na região da cabeça e pescoço - ficam com o estômago embrulhando só de sentir o cheiro de comida. "A quimioterapia e radioterapia deixam o olfato mais realçado, o que aumenta as chances de náuseas diante do cheiro da comida", explica o nutricionista Vitor Rosa. Por isso, uma boa saída pode ser pedir para que alguém cozinhe para esse paciente.

 

Fonte: Minha Vida

COMENTÁRIOS (4)

Maria

16/01/2015

Maria Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cin co séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado.

Antônio

14/01/2015

Antônio Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cin co séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado.

Juliana

12/01/2015

Comentário 2 Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cin co séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado.

Marcio

10/01/2015

Comentário 1 Lorem Ipsum é simplesmente uma simulação de texto da indústria tipográfica e de impressos, e vem sendo utilizado desde o século XVI, quando um impressor desconhecido pegou uma bandeja de tipos e os embaralhou para fazer um livro de modelos de tipos. Lorem Ipsum sobreviveu não só a cin co séculos, como também ao salto para a editoração eletrônica, permanecendo essencialmente inalterado.

FAÇA SEU COMENTÁRIO

NOSSOS DEPARTAMENTOS:

FORMAS DE PAGAMENTO:

Copyright Unicom. Todos os direitos reservados